ARTIGOS

Layout por processo, definição e aplicação ideal

O segundo post da série de tipos de layout aborda o Layout por processo, se você vem acompanhando as postagens anteriores a respeito do assunto já deve ter conhecimento da importância que o layout industrial tem em relação ao ganho de produtividade e inclusive à redução de custos. Caso não tenha acompanhado eu recomendo investir alguns minutos na leitura de “A importância de um layout industrial bem organizado” e “Arranjo físico por produto, principais considerações”.
Neste tipo de layout os postos de trabalho são organizados conforme os processos produtivos, independente dos produtos a serem fabricados, estes percorrem um roteiro de atividade a atividade de acordo com as suas necessidades para ser fabricado. Vamos a um exemplo claro para melhorar a compreensão, imagine uma fábrica de Cintos e Sapatos, consideremos que os cintos passam por 3 processos para a sua finalização, enquanto os sapatos passam por 5 processos até ficarem prontos para entrega. Veja a seguir o fluxo produtivo deste exemplo representado graficamente.

É possível observar as atividades pelas quais cada produto passa para ficar pronto, este é um exemplo no qual a aplicação ideal é o Layout por Processo. Este tipo de organização permite maior flexibilização, os postos de trabalho podem ser agrupados por atividade e assim o layout como um todo diminui os riscos de paralizações. Por outro lado, este processo pode resultar em maior movimentação de materiais em comparação com o layout por produto.
A definição do Layout a ser usado deve ser uma decisão estratégica, analisada nos mínimos detalhes, a longo prazo e adaptativa a mudanças.
Por hoje é só, um grande abraço!
Élvio Tadeu Becker - Consultor empresarial

Postado em: Quinta-Feira, 22 Março 2018.

Gostou desta matéria? Compartilhe com seus amigos...